quarta-feira, 27 de novembro de 2013

A EXORTAÇÃO APOSTÓLICA "EVANGELII GAUDIUM'


A ALEGRIA DO EVANGELHO 
A Exortação Apostólica “Evangelii Gaudium” (A alegria do Evangelho), do papa Francisco, foi apresentada na manhã desta terça-feira, 26, na Sala de Imprensa da Santa Sé. Participam da coletiva de imprensa o presidente do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização, dom Rino Fisichella, o secretário-geral do Sínodo dos Bispos, dom Lorenzo Baldisseri, e o presidente do Pontifício Conselho das Comunicações Sociais, dom Claudio Maria Celli. 
O documento do Pontífice nasce da XIII Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos sobre “A nova evangelização para a transmissão da fé cristã”, de 2012. O papa Francisco reelabora o que emergiu desse Sínodo de modo pessoal, escrevendo um documento programático e exortativo, utilizando a forma de “Exortação Apostólica”. Como tal, tem estilo e linguagem próprios: coloquial e direto, como manifestou Francisco em seus meses de pontificado. 
A missionariedade é o coração do texto, em que o Papa convida todos os fiéis cristãos a uma nova etapa evangelizadora, caracterizada pela alegria. Trata-se de cinco capítulos: “A transformação missionária da Igreja”, “Na crise do compromisso comunitário”, “O anúncio do Evangelho”, “A dimensão social da evangelização” e “Evangelizadores com espírito”. “O que mantém unido todas essas temáticas é o amor misericordioso de Deus, que vai ao encontro de cada pessoa”, afirmou dom Rino Fisichella. Para ele, o que o Papa indica, no fundo, “é a Igreja que se faz companheira de percurso dos nossos contemporâneos na busca de Deus e no desejo de vê-lo”. 
Por sua vez, dom Baldisseri destacou o caráter universal do documento, elaborado a partir dos estímulos pastorais provenientes de várias Igrejas locais. “A esta experiência, deve-se o amplo espaço dedicado à religiosidade popular na América Latina – uma verdadeira espiritualidade encarnada na cultura dos mais simples”, acrescentou o Arcebispo. 

 Baixe a íntegra da Exortação Apostólica "Evangelii Gaudium". 

Fonte: Radio Vaticano

Nenhum comentário:

Postar um comentário