sexta-feira, 20 de abril de 2012

PARABÉNS RÁDIO 9 DE JULHO

              A Rádio 9 de Julho conquistou o prêmio Microfone de Prata, na categoria entretenimento, com o programa "Nossas Igrejas: Uma expressão de fé, arte e cultura", apresentado pelo padre José Renato Ferreira e pela jornalista Jucelene Rocha. O programa vai ao ar aos sábados às 15h com reprise no domingo, às 20h.

       Os Prêmios de Comunicação da CNBB- Margarida de Prata (cinema), Microfone de Prata (rádio), Clara de Assis (televisão) e Dom Helder Câmara (impresso)- serão entregues em solenidade na noite do dia 20 de abril, como parte da 50ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil na cidade de Aparecida-SP. A Rádio 9 de Julho irá transmitir a cerimônia ao vivo, às 20h30.
     O objetivo da premiação anual é reconhecer a arte e o mérito dos profissionais dos meios de comunicação social que contemplam em suas produções os valores humanos, cristãos, sociais e políticos, bem como, a qualidade artística, a linguagem e a técnica.


Dom Helder Câmara de Imprensa
- Karla Maria, com a reportagem “Extermínio silencioso”, publicado na REVISTA FAMÍLIA CRISTÃ;
- Adriana Irion e José Luís Costa, com a reportagem “Meninos Condenados”, do Jornal Zero Hora;
- Prêmio de Menção Honrosa para o Jornalista Odilon Rios, com a reportagem “Pacientes convivem com formigas, goteiras e cadáveres em Alagoas”.

Margarida de Prata
- As canções, documentário de longa-metragem, de Eduardo Coutinho;
- Diário de uma busca, documentário de longa-metragem, de Flávia Castro;
- A música segundo Tom Jobim, documentário de longa-metragem, de Nelson Pereira dos Santos;
- Á sombra de um delírio verde, documentário de média-metragem, de Cristiano Navarro Peres.

Clara de Assis
- O documentário Marujada – A festa de São Benedito, de Ivaldo Souza e Marcos Valério, da Rede Nazaré de Televisão
- A reportagem Dependência Química – álcool e crack, de Thiago Rodrigues Tiburcio, da TV Senado;
- A reportagem Lixo: danos e soluções, de Ioná Marina Moreira Pina Rangel, da Rede Aparecida de Comunicação;
- O documentário Filhos do abandono, do Projeto Comunicar, da TV PUC-Rio.

Microfone de Prata
- Categoria religioso, Por dentro do assunto, Rádio Mensagem 1470 AM, Jacareí (SP), apresentado por Carlos Alberto Sena e padre Ednei Evaldo Batista, com produção de Donizete Eugênio;
- Categoria jornalismo, reportagem Especial: O novo Código do Processo Civil - Uma Justiça mais rápida?, Rádio Senado FM, Brasília (DF), apresentado por Luciomar Rodrigues e Assis Medeiros com produção de Rodrigo Resende, sendo texto e reportagem de Adriano Faria;
- Categoria entretenimento, Nossas Igrejas, uma expressão de fé, arte e cultura”, Rádio 9 de Julho, Arquidiocese de São Paulo (SP), apresentado pelo padre José Renato Ferreira e Jucilene Rocha, com produção da equipe de jornalismo da Rádio 9 de Julho.


Reportagem da Revista Família Cristã ganha Prêmio Dom Helder Câmara de Imprensa

A reportagem “Extermínio silencioso”, da jornalista do jornal O São Paulo, Karla Maria, publicada na edição de janeiro de 2012 da REVISTA FAMÍLIA CRISTÃ, foi a vencedora do Prêmio Dom Helder Câmara de Imprensa- edição 2012, um dos prêmios de Comunicação da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
A reportagem traz denúncias dos indígenas Guarani Kaiowá, literalmente encurralados entre fazendeiros, sendo assassinados em suas terras tradicionais em Mato Grosso do Sul. A matéria apresenta, ainda, a origem das terras e a situação da demarcação. (Leia mais sobre a reportagem aqui)

Karla Maria, com o cacique Faride

Nenhum comentário:

Postar um comentário